17/11/2015
COMPANHIAS

Henkel comemora 60 anos no Brasil

A Henkel está comemorando 60 anos de atividades no Brasil. No País desde 1955, ao inaugurar a fábrica de Jacareí (SP), a empresa hoje conta com fábricas localizadas em Diadema, Itapevi e Jundiaí, além de seu escritório central localizado na Lapa e conta com mais de 900 profissionais.

No Brasil, a Henkel firmou sua posição de grande player nos segmentos de Adesivos, Selantes e Tratamento de Superfícies eBeauty Care,com marcas que conquistaram os brasileiros, como Cascola, Loctite, Pritt e Schwarzkopf Professional. “Há 60 anos escolhemos o Brasil para iniciar as nossas operações na América Latina, e durante este período trouxemos importantes inovações por meio de nossas marcas e tecnologias inovadoras que estão presentes em todo o tipo de produto que os brasileiros utilizam no dia a dia – de eletroeletrônicos a móveis, de produtos de consumo a industriais”, disse Manuel Macedo, Presidente da Henkel Brasil. “É um grande orgulho para nós vermos que ao longo da nossa trajetória a oferta de marcas e tecnologias da Henkel evoluiu e cresceu junto com o país’’.

A fábrica de Jacareí iniciou suas atividades com a produção de detergentes industriais, P3, e auxiliares para a indústria têxtil e de couro. No fim da década de 70, a fábrica modernizou-se e passou a ser a primeira indústria química do Vale do Paraíba a receber uma Estação de Tratamento de Efluentes. A água tratada passou a retornar ao rio Jacareí limpa e pura, evitando prejuízos ao ecossistema local. Em 1983, a Henkel inaugurou a unidade de Itapevi, na região metropolitana de São Paulo. A instalação da fábrica levou desenvolvimento e diversas oportunidades de empregos diretos e indiretos para a região, até então carente nessa área. Na fábrica também foi implantado um novo programa de reciclagem e inclusão social por meio do evento “Do Lixo ao Luxo” para promover a conscientização à Proteção ao Meio Ambiente. Funcionários, terceiros, prestadores de serviços e respectivos familiares são convidados a participarem do evento para aproveitar material reciclável e transformá-los em fantasias e adereços para um desfile a ser apresentado nas fábricas da Henkel.

Em 2012, a Henkel anunciou sua estratégia global Sustentabilidade 2030 com a meta de alcançar mais resultados com a utilização de menos recursos, com o triplo de eficiência. O plano inclui todas as áreas da empresa e toda a cadeia de valor. No ano seguinte, alinhado à Estratégia, a Henkel Brasil trocou a iluminação da Planta de Itapevi por lâmpadas de LED, menos poluentes, e com vida útil maior, além de consumir menos energia, o que rendeu uma economia de energia de cerca de 20%. Dois anos depois, a Henkel inaugurou a unidade produtiva de Poliuretano, localizada na fábrica de Jundiaí. A unidade recebeu o conceito de Green Building, visando gerar uma maior economia no uso de água e energia elétrica. As instalações foram projetadas para utilizar ao máximo iluminação e ventilação natural, gerando economia, produtividade e respeito ao meio ambiente. Com a nova fábrica, a empresa teve um aumento de 40% na produção de adesivos industriais, com capacidade de exportação para toda América Latina e outros continentes. Com isso, a Henkel aumentou seu portfólio e tornou-se autossuficiente na produção desse segmento de adesivos industriais.

Em 2015, a Henkel foi host da iniciativa“Together for Sustainability” no Brasil, que tem como objetivo desenvolver e implementar uma auditoria global para avaliar e melhorar as práticas de sustentabilidade dentro das cadeias de abastecimento da indústria de produtos químicos. Ao todo, 300 participantes entre fornecedores, representantes da empresa membro do TfSestiveram presentes no evento, que ocorreu em junho na cidade de São Paulo. Em outubro de 2015, a Companhia inaugurou o projeto“One Roof,” que consiste em um escritório único reunindo aproximadamente 300 colaboradores das áreas de negócios deAdhesive Technologies, Beauty Care e demais funções de suporte (Finanças, RH, IT, Compras, Comunicação Corporativa etc). O projeto visa agilizar e padronizar as operações da empresa seguindo o conceito global de espaço de trabalho da Henkel.

Inovação para o Brasil

No segmento de Beauty Care, a Henkel trouxe para o Brasil a marca Schwarzkopf Professional em 1989, através do distribuidor Coper, que na época apresentou a marca Natural Styling e Silhouette. Com o lançamento de Igora Royal, em 1994, a empresa entrou no mercado de colorações e, em 2004, inaugurou a Academia ASK em São Paulo. Neste ano, a Henkel apresentou novos produtos da linha de tratamento capilar Bonacure Oil Miracle, voltada para atender às necessidades dos mais variados tipos de cabelo.

Com a aquisição da Alba, em 2006, a Henkel incorporou ao seu portfólio as marcas Cascola, Durepoxi e Flexite. Neste mesmo ano a Henkel foi a primeira empresa a lançar um produto sem o solvente toluol da sua linha de adesivos de contato. Em 2009, a empresa baniu o solvente de toda sua linha de produtos de adesivos. Já em 2010 a empresa expandiu a marca Cascola para os segmentos de PVA e selantes. Em 2015 a Henkel lançou o Adesivo de Montagem Cuba e Espelho - o primeiro no mercado com dupla função.

A Henkel trouxe diversas inovações para o mercado brasileiro, tanto para a área industrial quanto para o consumidor final. Dois exemplos de lançamentos marcantes são as tradicionais colas Super Bonder e Pritt, ambas lançadas nos anos 70.

Comercializada pela marca Loctite, a Super Bonder é tida como uma tecnologia de cola instantânea que atendia às necessidades da indústria e os consumidores domésticos. A Super Bonder recebeu diversas melhorias em sua fórmula durante os anos, aumentando sua resistência a impactos, aderência, versatilidade e qualidade final. Já a Pritt chegou em 1979, em formato de bastão, e mostrou-se de fácil manuseio, ganhando mercado rapidamente. No ano de 2001 a Pritt foi lançada ao espaço com destino à Estação Espacial Internacional(International Space Station- ISS),e para comemorar o feito, a Henkel lançou uma edição especial no Brasil. Em 2014, a cola ganhou bastões coloridos em azul, amarelo, verde e vermelho, o que tornou o produto ainda mais atrativo para o mercado educacional.